Minhas séries: Nowhere Boys


Se você gosta de assistir mistério, conflito adolescente, magia, demônios, universos paralelos, elementos naturais.... Tudo de forma leve e divertida, essa é a série ideal para você!

Sabe aquela típica série que você encontra enquanto zapeia pela Netflix? Foi assim que começou minha relação com Nowhere Boys. A trama me chamou atenção, a descrição era bem convidativa e meio que se adaptava bastante ao gêneros de séries que costumo assistir, então apostei nela e, sinceramente, não me arrependo não! Pra deixar mais claro que apenas dizer que a série é boa, minha casa inteira parou para saber o desfecho! haha

Quatro adolescentes que nunca seriam amigos retornam de uma excursão da escola e descobrem que estão presos em um universo paralelo onde eles nunca nasceram.
Ok. Uma simples descrição clichê. 

Particularmente nunca imaginaria o rumo que Nowhere Boys tomaria. Se você curte Pretty Little Liars ou Lost, pode ligar seu Netflix agora, o misteriozinho que ocorre durante é bem parecido! (Eu disse parecido).

Toda a descrição da série é resumida durante o piloto, de forma ágil e bem nítida. Conhecemos os 4 personagens principais logo de cara: Temos Felix, o típico rockeiro emo-gótico, que faz tudo sozinho e tem um irmão deficiente físico. Temos Jake, que tem uma família com problemas financeiros, meio valentão. O Sam, o garoto que é riquinho e tem uma família de esportistas e aquela típica faminha de garoto popular. E por último Andy, o nerdzinho que é todo bem cuidado pelos pais e apaixonado pelo Bear Grylls.


Ambos com vidas completamente diferentes, acabam caindo no mesmo grupo em um passeio da escola pela floresta da cidade onde moram, e é ai que começa toda a trama. Durante o passeio eles são seguidos por uma mulher estranha que é dito que sempre está na floresta, mas eles não dão tanta importância e no andar do capítulo os 4 acabam caindo de um penhasco e se perdendo na floresta. 

Ao voltarem para casa, tudo está diferente e eles descobrem que não existem. Como se a não-existência deles tivesse mudado tudo ao redor. Até chegarem a conclusão que estão em uma dimensão paralela.

A trama da série segue com os meninos tentando descobrir a forma de voltar para casa, e nisso ocorrem conflitos com amigos e familiares que não lembram deles e, para deixar tudo ainda mais confuso, o irmão do Felix, o Oscar, que na dimensão deles é deficiente, nessa dimensão oposta pode andar.


Como se já não bastasse estar perdido em uma dimensão contrária a sua com todos esses problemas, há um demônio da restauração que faz de tudo para tirá-los de lá.

Dessa forma segue a série, com mistérios, muita magia, o uso dos 4 elementos naturais, tudo de uma forma bem levinha e divertida.

É composta por 2 temporadas disponíveis na Netflix e um filme (que é mais difícil de ser encontrado) que fala sobre alguns anos depois do desfecho da série. Mais um dos pontos positivos é que é composta por episódios curtos, em média 30 minutinhos, o que é fácil de maratonar sem ficar extremamente pesada como algumas outras ficam.


Graças a God, a Netflix tem deixado a mais fácil acesso uma gama de séries e programas que se não fosse pelo serviço de streaming jamais seriam assistidas em tantos lugares do mundo, e Nowhere Boys é uma delas. É uma série australiana, o sotaque chega a ser engraçado de ouvir, quando assistida legendada.

Nowhere Boys tem um enorme espaço no meu coração.

Meu cabelo tá rosa, com menos de R$5!


Sabe aquele pequeno sonho que todo mundo tem no cantinho do coração? Um dos meus sempre foi ter o cabelo rosa, e enfim consegui realizar!

O melhor de tudo é que foi tudo tão fácil de fazer e tão baratinho (como vocês podem imaginar euzinha fiz tudo em casa) que decidi fazer um vídeo explicando a vocês como fiz!

Caso você seja uma pessoa que sempre quis ter o cabelo colorido mas tem aquele receio de não gostar, de ter que ficar muito tempo com o cabelo de uma cor diferente, ou com um medinho mesmo, esse vídeo é pra você! Vem ver!


Então, pintei meu cabelo com Corante para fins Alimentícios, você encontra em qualquer mercado, padaria ou casa de bolo. É rápido para tintar, funciona direitinho e você consegue medir o tom que quer com algumas gotinhas de água na sua misturinha.

O que rolou: MTV Movie e TV Awards


Para a galera que vive para filmes e séries, curte muuuuito um boa maratona e defende seus personagens com unhas e garras ((eu)), as premiações famosas sempre são super aguardadas, principalmente agora com MTV dispensando o tradicional 'Movie Awards', para unir tanto filmes como as produções para TV/Internet no mesmo evento principal.

Para inaugurar com o pé direito, a premiação contou com várias novidades na lista de competidores e apresentadores. Foi emoção do começo ao fim, com várias apresentações maravilhosas – era cada palco lindo!

Esse ano foi a vez de surtarmos com a SUPER união de Stranger Things e 13 Reasons Why dividindo o mesmo palco! Os verdadeiros donos do Netflix, não é mesmo? O Elenco de 13rw foi convidado para fazer a entrega ao prêmio de série do Ano à Stranger Things, e aposto que ano que vem 13rw vai estar por lá levando um prêmio também!


O MTV Movie e TV Awards, uma das maiores premiações do cinema da mtv, aconteceu nesse domingo, dia 7/05 e não deixou nada a desejar.

Um dos maiores destaques da noite (sem contar com donos do netflix) foi a Camila Cabello com J Balvin e Pittbul cantando ‘Hey Ma’, música pertencente a trilha sonora do filme Velozes e Furiosos!    Assista a performance aqui!


A Noah Cyrus, irmã mais nova da Miley, também arrasou cantando seu novo single no palco da premiação!    Assista a performance aqui!


Um outro destaque muito legal também foi a maravilhosa Millie Bobby Brown, a nossa querida Eleven, que se emocionou no discurso ao receber por melhor atuação em série, por “Stranger Things” que levou também “Série do Ano” pra casa!


Ainda vale destacar uma mudança expressiva: este foi o primeiro evento oficial a abrir mão das diferenciações de gênero. Na prática, tantos os atores como as atrizes concorreram juntos em categorias como a de "melhor performance".

Vamos a lista dos ganhadores!


Filme do Ano
A Bela e a Fera

Melhor Ator/Atriz – Filme
Emma Watson – A Bela e a Fera

Seriado do Ano
Stranger Things

Melhor Atuação – Série
Millie Bobby Brown – Stranger Things

Melhor Beijo
Ashton Sanders & Jharrel Jerome – Moonlight

Melhor Vilão
Jeffrey Dean Morgan – The Walking Dead

Melhor Apresentador
Trevor Noah – The Daily Show

Melhor Momento Musical
Grease Live!

Melhor Trending
CHANNING TATUM & BEYONCÉ’s ‘Run The World (Girls)’ – Lip Sync Battle

Melhor Herói
Taraji P. Henson – Estrelas Além do Tempo

Melhor Parceria
Hugh Jackman & Dafne Keen – Logan

Melhor Documentário
A 13ª Emenda

Melhor Reality de Competição
RuPaul’s Drag Race

Melhor Atuação Cômica
Lil Rel Howery – Corra!

Melhor Chororô
This Is Us – Jack (Milo Ventimiglia) e Randall (Lonnie Chavis) no karatê

Nova Geração
Daniel Kaluuya

Melhor História Americana
Black-ish

Melhor Luta Contra o Sistema
Estrelas Além do Tempo